A autoestima faz bem para a saúde.

elevar-autoestima

A autoestima é um tema bastante popular no meio em que vivemos. O assunto aparece em novelas, programas de televisão, conversas entre amigos quando o assunto da vez é alguma pessoa que não está bem consigo mesma ou com seu corpo. Mas, o que é essa autoestima? O psicólogo Morris Rosemberg, autor da “Escala da Autoestima” nos anos 60, dizia que ela é um conjunto de sentimentos de um indivíduo sobre o seu valor, competência e adequação, mas para muitos a autoestima é relacionada à autoaceitação. Quando a pessoa não aceita partes dela, possui baixa autoestima, partes das quais ela não gosta, não confia ou não estão em harmonia.

A construção da autoestima é um processo complexo que acontece ao longo da nossa vida. Enquanto crescemos, aprendemos uma série de coisas com adultos ao nosso redor. Assim internalizamos o que é certo e errado, bom e ruim ou como as coisas funcionam e isso passa a servir de referência para como nos posicionamos no mundo. Em outras palavras, ela está ligada às crenças aprendidas sobre si mesmo. Mas essas crenças podem ser renovadas e isso é algo positivo.

Somatização

Segundo estudos de Susan Harter, na década de 1980, pessoas com falta de autoestima estariam mais propensas a transtornos fisiológicos, como disfunção temporomandibular, dor lombar, gastrite, e dor de cabeça.

O fato é que não se pode afirmar categoricamente que a baixa autoestima era realmente a causa original de todos estes problemas. Porém, sabemos que nossos conteúdos internos, quando em desarmonia, podem se manifestar externamente como doenças, esse processo se chama psicossomatização. Apesar de separarmos mente e corpo, essa divisão não existe. A psicossomatização acontece em episódios da trajetória de vida da pessoa e pode se manifestar de diversas maneiras. Quanto mais cedo a criança passar por uma vivência traumática, maior é a chance de que ela manifeste seu sofrimento por meio de sintomas corporais, já que um bebê não tem ainda não consegue falar.

Perfil somatizador

Há ainda pessoas que têm um perfil considerado somatizador, ou seja, acabam expressando no corpo suas angústias e sofrimentos com frequência. Um caso desses são aquelas pessoas que vomitam quando estão em alguma situação desconfortável.

Depressão e dor

Além dos problemas fisiológicos, Susan Harter também identificou uma forte relação da baixa autoestima com a propensão a problemas psiquiátricos, como ansiedade e depressão. E a própria depressão conta pontos contra a saúde física.  Segundo uma pesquisa publicada no respeitado New England Journal of Medicine com 1146 pacientes depressivos, 69% deles relatavam apresentar problemas físicos sem explicação.

A maioria das queixas estavam relacionadas à dor crônica. A autoestima também é considerada a vilã no caso de adolescentes e jovens que sofrem de transtornos de imagem. No estudo “Perfil psicológico de pacientes com anorexia e bulimia nervosa”, a psicóloga Érika Arantes de Oliveira (SP) relatou que pacientes anoréxicos apresentavam baixa autoestima, enquanto os bulímicos demonstravam autoestima flutuante.

CUIDAR DOS SEUS DENTES É UMA MANEIRA DE VIVER COM MAIS AUTOESTIMA.
CONHEÇA A CLÍNICA BRANEMARK CENTER E VEJA O QUE PODEMOS FAZER POR VOCÊ.
www.branemark.com.br

Alerta para a obesidade

obesidade-450x300Autoestima, depressão e obesidade são outra trinca bastante comum nos dias de hoje. A coach Margarida Ranauro conta que sofreu com baixa autoestima por anos, que refletia na forma como cuidava da alimentação. O resultado foi o aumento de 30 quilos na balança. “A baixa autoestima é geralmente seguida por uma autossabotagem, que se manifesta na falta de tempo para se alimentar saudavelmente. Busca-se uma fuga, uma compensação externa, algo que dê uma falsa e ilusória sensação de prazer”, descreve. “No meu caso, isso se deu pela falta de atividade física e do consumo excessivo de chocolates e de refrigerante. Isso gerou um danoso estilo de viver que afetou sistemicamente a minha saúde e qualidade de vida como um todo”, relata.

A obesidade, para quem não sabe, é um passinho para alterações metabólicas como aumento dos níveis de colesterol do sangue, intolerância à glicose ou diabetes e hipertensão arterial. “Por esse motivo aaferição da circunferência abdominal em conjunto com o cálculo do índice de massa corporal são considerados fortes indicadores para o risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares e diabetes”, relata a pesquisadora Érika (SP).

Em pesquisa publicada em 2014, o doutor em psicologia social Nilson Soares Formiga aplicou o teste da autoestima desenvolvido por Rosenberg em 213 pessoas. Resultado: quanto maior o transtorno no uso do álcool, mais baixa era a autoestima. “A baixa autoestima faz com que a pessoa tenha sentimento de incapacidade para se defrontar com os desafios do cotidiano. Em muitos casos, buscam as bebidas alcoólicas como fuga dos problemas”, defende o psicanalista Velasco.O problema do alcoolismo

Bola de neve

Por sua vez, a saúde da pessoa que abusa sistematicamente do álcool está em risco. Nesse caso, é maior probabilidade de desenvolvimento da cirrose hepática (destruição das células do fígado) e da pancreatite crônica (inflamação progressiva do pâncreas).

Fonte: Revista Viva Saúde

Sabia que dentes também podem ser doados?

Os dentes de leite são importantes para estudos e pesquisa. Os permanentes também devem ser doados.

A USP possui um banco de dentes humanos que separa, classifica e utilizam os dentes para o ensino.

banco de dentes

Doação de órgãos

Em primeiro lugar o dente deve ser entendido como um órgão. Quem doa dentes, é um doador de órgãos. “É preciso ter essa conscientização, o dente deve ser doado, como qualquer outro órgão”afirma Imparato.

Inicialmente, o dente deve ser entendido como um órgão. O doador de dentes, é um doador de órgãos.
Qualquer dente pode ser doado, até mesmo dentes com cárie podem ser usados para ensino e pesquisa.

ODONTOLOGIA DE PRIMEIRO MUNDO, AO SEU ALCANCE EM SÃO PAULO E SANTOS. CONHEÇA A CLÍNICA BRANEMARK CENTER. 
www.branemark.com.br

Faça o kit para doação de dente

– Caso faça a extração no dentista, diga a ele que vai fazer a doação e o profissional providenciará o preparo do órgão.
– Se o dente for extraído em casa, lave-o em água corrente, seque-o com uma gaze ou papel e o envolva em um plástico.
– Não o armazene em líquidos, como água, porque pode gerar contaminação.
– Quanto menos manipular, melhor.
Pesquise na internet, pois diversas organizações aceitam doações de dentes.

Fonte: Terra

O sódio em excesso e os seus efeitos à saúde

sal

Graças a esse mineral que é abundante na natureza é possível evitar câimbras e conservar o tônus muscular. Nosso organismo tem uma estrutura onde o potássio entra nas células e o sódio sai. Essa dinâmica garante  o equilíbrio hidroelétrico do corpo, fazendo do sódio um nutriente vital. Em contrapartida, o consumo excessivo é extremamente nocivo à saúde, porque o sódio retém água, estimula os vasos sanguíneos à vasoconstrição e eleva a pressão arterial. Dessa forma predispõe o corpo a doenças cardíacas e renais.

Dosagem de sódio que prejudica

A má notícia é que exagerar na no sódio é mais fácil do que se aparenta. Seu consumo diário não deve ultrapassar 2,8 g do mineral, o que equivale a 4 g de sal. Só que além do saleiro, o sódio também é utilizado massivamente como conservante e aromatizante de produtos industrializados.

O consumo do sódio em excesso está ligado à doenças como hipertensão, insuficiência cardíaca ou renal. Pessoas que já apresentam tais doenças devem ingerir menos sal ainda.

CLÍNICA BRANEMARK CENTER É O LUGAR CERTO PARA CUIDAR DA SUA SAÚDE BUCAL.
www.branemark.com.br

Programa de redução

Os sintomas do excesso de sal no organismo são: inchaço nas pernas, mãos e tornozelos, falta de ar, dores ao andar, pressão sanguínea elevada, retenção urinária.
Para facilitar o corte do sódio no dia a dia, a dica é preparar os alimentos com uma quantidade de sal suficiente para dar sabor, evitando o consumo de pães, queijos embutidos, enlatados e retirar o saleiro da mesa.

Outra abordagem similar é a Dieta DASH, cuja sigla em inglês significa Abordagem Dietética para Barrar a Hipertensão. Além da redução do sal, ela preconiza mais porções de alimentos naturais no cardápio. São indicadas de oito a dez porções de hortaliças e frutas por dia. É preciso estar atento a cada porção, que equivale a uma concha média.

Invista ainda nas carnes magras e inclua cinco porções de castanhas por semana, acrescenta. Também vale a pena incorporar na dieta alguns alimentos que neutralizam os efeitos nocivos do sódio no corpo.

Fonte: Revista Viva Saúde

Receita para diabéticos: RISOTO DO MAR

risoto

Quem disse que diabéticos não podem comer com qualidade e sabor? Encontramos essa receita de risoto do mar, que funciona muito bem tanto para quem possui diabetes quanto para quem não possui a doença. Então, aproveite, separe os ingredientes e mãos à obra.

Rendimento: 4 porções

Ingredientes

  • 1 colher (sopa) de azeite de oliva
  • 200 g de filé de badejo cortado em tiras
  • 1 cebola pequena ralada
  • 1/2 xícara (chá) de arroz integral
  • 1/2 xícara (chá) de vinho branco
  • 2 xícaras (chá) de caldo de galinha (0% gordura)
  • 1/2 xícara (chá) de creme de leite light
  • 1 xícara (chá) de brócolis cozido e picado
  • 1 colher (chá) de açafrão em pó
  • 1 colher (sopa) de queijo parmesão ralado light

Preparo

Aqueça o azeite em uma panela antiaderente e doure as tiras de peixe. Retire e reserve. Na mesma panela, refogue a cebola. Acrescente o arroz, o vinho e metade do caldo de galinha e deixe ferver. Diminua o fogo e cozinhe o arroz regando com o restante do caldo de galinha até que o líquido reduza e o arroz fique macio. Adicione o creme de leite, o peixe, o brócolis e o açafrão e misture. Desligue o fogo, junte o parmesão e sirva em seguida.

Informações nutricionais

1 Porção = 1 Fatia 140 g
Calorias 233
Proteínas  10,8 g
Gorduras totais 13,9 g
Carboidratos  16,2 g
Fibras  1,3 g
Sódio 336 mg
Gorduras saturadas   3,4 g
Colesterol 27 mg

Fonte: Diabetes.org.br

Atrações musicais em São Paulo no dia 27 de setembro, confira.

Quem está em SP sempre tem diversas opções de lazer para aproveitar a cidade, com parques, galerias, passeios e espetáculos. Mas nesse fim de semana separamos duas atrações musicais para deixar o domingo mais agradável.

orquestra de camara - ocam

A primeira acontece no Auditório Ibirapuera – Oscar Niemeyer no Parque do Ibirapuera onde o cantor Lenine junto com a Orquestra de Câmara da ECA/USP (OCAM) vão se apresentar.

O show acontece sob a regência do maestro Gil Jardim e a Orquestra de Câmara da ECA/USP (OCAM) comemora os seus 20 anos de atividades. Com arranjos especiais concebidos por Jardim, o cantor Lenine e a Orquestra apresentarão as músicas de “Carbono”, o novo álbum do artista da MPB e junto com elas composições consagradas da carreira de Lenine.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=9X-hhzu0riw&w=560&h=315]

A apresentação acontece às 11h e a entrada é franca.

luiza_possi

A segunda atração musical conta com grandes nomes da música brasileira que vão se apresentar no Parque Cândido Portinari (ao lado do Parque Villa-Lobos, próximo à estação da CPTM Villa Lobos-Jaguaré) no domingo, dia 27, a partir das 16h.

Esse grande espetáculo começa com a apresentação da Orquestra Allegro, sob regência do maestro Renato Misiuk. Logo depois o guitarrista Pepeu Gomes se junta à orquestra fazendo um mix de erudito com o popular.

Com a orquestra no palco a cantora Luiza Possi toma conta do espaço para interpretar uma versão especial de “Agora Só Falta Você”, sucesso de 1975 na voz de Rita Lee, e revisitar grandes sucessos das décadas de 1980, 1990 e 2000.

O cantor Diogo Nogueira também vai dar o ar de sua graça com um show que vai animar a plateia que gosta de samba.

Esse seria o “primeiro ato” de todo o espetáculo do “Show Carrefour 40 Anos“. Durante breve intervalo, o público é presenteado com uma intervenção audiovisual inédita do coletivo BijaRi: uma visão artística dos últimos 40 anos da música no Brasil e do Carrefour.

Depois disso a banda Jota Quest sobe ao palco com o melhor de sua carreira. O grupo recebe, ainda, a participação da cantora Anitta.

milton_nascimento

E pra terminar uma apresentação especial de Milton Nascimento. O autor de “Maria, Maria” também marca presença no show do Jota Quest, em uma participação muito especial.

Os dentes de leite do seu filho podem ajudar em tratamentos de saúde futuros

dente de leite - criança

Antes, quando as crianças perdiam seus dentes de leite eles ganhavam pouca importância e, no máximo, eram colocados em uma gaveta como recordação do fato. Hoje em dia, é diferente. Os dentes estão sendo levados por alguns pais a laboratórios e guardados para que, no futuro, possam ser usados em tratamentos de saúde.

Coletar o cordão umbilical para o combate de doenças futuras já é visto como algo natural, mas o armazenamento de dentes começa agora a ser considerado como possibilidade de dar origem a células-tronco.

No procedimento, a polpa dentária é coletada a partir do dente e suas células são multiplicadas em laboratório para o futuro tratamento. Essas células são mantidas em tubos que são armazenados em nitrogênio líquido pela empresa que fornece o serviço.

Muitos estudos estão sendo realizados nesta área, mas os cientistas ainda não são capazes de comprovar que o material recolhido possa, de fato, tratar doenças como Alzheimer e diabetes. A própria Anvisa afirma que as empresas podem sim oferecer o serviço, mas precisam deixar claro ao cliente que não há qualquer garantia de que o procedimento poderá ser realizado no futuro.

Fonte: Bolsa de Mulher

Ar seco pode causar infarto, proteja-se.

água-arseco

Quem vive em São Paulo está sentindo os efeitos do ar seco literalmente na pele. Para muitos, ela fica áspera, os olhos ressecados, a garganta irritada e o nariz seco, podendo mesmo até sangrar.

O clima seco deixa o corpo mais susceptível a doenças, favorecendo o acúmulo de bactérias e vírus nas vias respiratórias. Como não há secreção suficiente para expelir esses microorganismos, eles encontram um terreno perfeito para se instalar no corpo, causando problemas. Asma, bronquite, gripes e resfriados são frequentes nessa época.

Para se proteger dos efeitos maléficos, é necessário aumentar o consumo de água. Quem tem problemas renais ou cardíacos, no entanto, deve consultar um médico antes de beber mais água do que o habitual. Deixar um umidificador de ar ligado no ambiente ou uma bacia cheia de água ajuda o ar a ficar mais úmido e, consequentemente, facilita a respiração.

A poluição aumenta no período seco, e isso contribui para a concentração na atmosfera de substâncias nocivas, como o monóxido de carbono, dióxido de nitrogênio, dióxido de enxofre e outras partículas prejudiciais à saúde.

CUIDE DA SUA SAÚDE BUCAL COM A CLÍNICA BRANEMARK CENTER. 
www.branemark.com.br

“Isso potencializa não só a ocorrência de doenças respiratórias, mas também os riscos para o coração”, alerta.

O coração sofre porque há uma elevação da pressão arterial. Com isso, a pessoa fica mais sujeita a sofrer infarto e AVC. Os hipertensos e idosos sempre são os que são mais afetados.

Veja algumas dicas para afastar problemas típicos do tempo seco: 

– Hidratar bem crianças e idosos, que são mais susceptíveis às consequências do ar seco

– Manter o ambiente umedecido, seja com uma bacia de água ou um umidificador

– Usar soro fisiológico quando o nariz estiver seco (isso ajuda a manter a secreção natural do local)

– Manter a casa limpa e sem poeira, pois ela piora os problemas respiratórios

– Para melhorar o ressecamento da pele, evite banhos quentes e longos e passe hidratante corporal assim que sair do banho

O estresse do trabalho é tão prejudicial à saúde quanto ser fumante passivo

estresse

Ficar estressado demais no trabalho pode fazer tão mal para a saúde quanto o fumo passivo. É o que diz um estudo publicado recentemente na revista cientifica Behavioral Science & Policy Association.

A partir da análise de 228 estudos científicos, os pesquisadores das universidades Harvard e Stanford, ambas nos Estados Unidos, descobriram que pessoas com altas demandas de trabalho tinham 35% mais risco de ter uma doença. Além disso, o levantamento mostrou também que trabalhar por muitas horas seguidas aumenta o risco de morte em quase 20%. Ainda de acordo com o relatório, o medo de perder o emprego aumentou em 50% a probabilidade de morte prematura. Taxas semelhantes são encontradas no caso de pessoas que são expostas de forma passiva ao cigarro.

CUIDE DA SUA SAÚDE BUCAL COM ESPECIALISTAS RENOMADOS
ACESSE www.branemark.com.br E CONFIRA

“Se pensar em quanto tempo as pessoas passam no trabalho, os resultados não são tão surpreendentes”, disse Joel Goh, professor da Escola de Administração de Harvard e coautor do estudo. Agora, os autores esperam que o estudo ajude as empresas a refletirem sobre o modo como administram as demandas dos empregados, já que o trabalho pesado e horas extras podem atrapalhar mais do que aumentar a produtividade.

Fonte: Veja

Aplicativos para celular que ajudam você a manter a sua saúde bucal.

smartphone smile

Hoje em dia é até difícil não utilizar algum aplicativo de celular ou tablet durante o dia. Para a saúde bucal existem muitas alternativas digitais que ajudam na hora de escovar os dentes, manter bons hábitos de higiene bucal ou ensinar o tema para as crianças. Dê uma olhada nesses aplicativos. Alguns deles estão disponíveis para Android e iOS.

Brush Timer
O aplicativo faz uma contagem regressiva de dois minutos que simula o tempo mínimo que a pessoa deve gastar para limpar os dentes simulando quanto tempo o usuário deve gastar para limpar cada dente. Além disso, fica disponível uma agenda que indica os dias em que o dente foi escovado e quantas vezes, com um espaço para comentários. Pode ajudar na hora de relatar algum problema para o dentista.

Brush DJ

Brush DJ
O objetivo aqui é tornar o momento de escovar os dentes mais divertido. O Brush DJ acessa sua biblioteca de música e escolhe aleatoriamente uma delas para tocar durante dois minutos, tempo médio para uma boa escovação. O aplicativo ainda tem lembretes para a hora da higiene bucal, passar fio dental, visitar o dentista e trocar a escova.


desencoste os dentes

Desencoste seus dentes
Este é um app especial para pessoas com bruxismo. Tem dicas sobre o problema e no final o usuário pode configurar como quer ser alertado para se lembrar de não apertar os dentes. Pode escolher alertas aleatórios ou sua própria frase, além de definir a frequência dos lembretes. A ferramenta também dá a opção de um aviso para a hora de colocar o protetor bucal para dormir.

Smartkids
O site Smartkids (http://www.smartkids.com.br/jogos-educativos/higiene-bucal.html) tem jogos educativos exclusivos para saúde bucal. Com quiz, forca e outras brincadeiras ligadas a assuntos como cárie, maneira adequada de escovar os dentes, entre outros.

Guerra dos Mutans
Voltado para crianças, a história tem como personagens a família Rizo e os Mutans (“monstros” que aterrorizam a boca dessa família que não escova os dentes).

Todos os aplicativos podem ajudar, mas para cuidar da saúde bucal você precisa visitar um dentista com frequência. Visite a Clínica Branemark Center.
www.branemark.com.br

Dream Watcher
Um aplicativo para quem já ouviu falar que ronca, mas não acredita. Ele grava o sono durante a noite para que o usuário saiba se sofre do mal e possa, inclusive, mostrar as amostras de gravação para o dentista. A ferramenta também disponibiliza um despertador duplo que da primeira vez emite um som baixo e que aumenta gradualmente. Caso este falhe, o segundo alerta será mais alto. O app também ajuda na hora de dormir, com músicas relaxantes.

Fonte: Terra