Será que você mastiga corretamente?

A movimentação correta é denominada mastigação bilateral alternada multidirecional. O nome parece complicado, mas o significado é simples: deve-se mastigar dos dois lados, mudar o alimento de posição constantemente e fazer movimentos para direções diferentes.

Um dentista especializado pode explicar, com maiores detalhes, que a mandíbula deve abrir e fechar, além de fazer movimentos circulares, para que a comida seja devidamente triturada e impregnada de saliva. Dessa maneira, a digestão começa de modo correto e pode evitar problemas digestivos.

O bolo alimentar, que não deve conter pedaços grandes, precisa ser de fácil deglutição, sem que haja necessidade de beber algo junto. Além disso, não devemos ouvir barulhos nem sentir dor durante a mastigação.

EXISTEM FASES DA MASTIGAÇÃO?

Suas fases são definidas com base no tipo de dente que é utilizado com maior ênfase. Os incisivos, que ficam na frente, junto aos caninos, os “dentes do vampiro”, fazem parte da primeira etapa, o corte do alimento.

Já os pré-molares trituram a comida, diminuindo o tamanho dos pedaços. Essa é a fase mais demorada, que pode levar até 70% do tempo de mastigação. Os molares, dentes que ficam no fundo da boca, continuam o trabalho e servem para pulverizar o alimento e aglutinar a saliva às moléculas.

QUAIS SÃO AS CAUSAS E AS CONSEQUÊNCIAS DA MASTIGAÇÃO INCORRETA?

A mastigação incorreta pode ser desenvolvida por diversos motivos, dentre eles, a correria em que vivemos e o mau posicionamento dos dentes. Dores e disfunções na articulação temporomandibular, ou DTM, aquela próxima à orelha que comanda os movimentos da boca, também são causas comuns. Qualquer alteração respiratória, como a rinite, também pode causar alterações nos movimentos bucais.

Se feita de modo correto, a mastigação tonifica os músculos da face, traz saúde aos dentes, age para o bom funcionamento da digestão e leva à melhora da absorção de nutrientes. Ademais, pode prevenir alterações nos dentes, DTM e dores de cabeça.

Utilizar as duas arcadas da boca, além de assegurar melhor digestibilidade, garante o uso da musculatura de ambos os lados, o que evita assimetrias faciais. Assim como, na academia, se você malhar só um lado do corpo ficará torto, o mesmo acontece com seu rosto, se mastigar só de um lado.

Uma consequência comum que, muitas vezes, não é associada à mastigação é o desconforto após as refeições. Como não existe uma boa trituração alimentar e o estômago não consegue fazer com que seus ácidos dissolvam partículas grandes, sentimos dores, azias e enjoos.

DENTISTAS ESPECIALIZADOS EM IMPLANTES DENTÁRIOS EM SANTOS E SÃO PAULO

COMO MASTIGAR MELHOR?

Em primeiro lugar, preste atenção aos movimentos da sua mastigação, como se estivesse na academia. Sinta seus músculos em ação, mudando a comida de um lado para o outro. Para exercitar o fortalecimento da mastigação, consuma alimentos menos cozidos, que exijam um esforço maior, como maçã e cenoura, e tome vitaminas espessas com canudo.

Lembre-se de que é muito importante visitar um dentista ou um fonoaudiólogo para obter orientações mais detalhadas, visto que essas dinâmicas podem acentuar problemas de mastigação anteriores se forem feitas de maneira errada.

Em segundo lugar, descanse os talheres, para que possa se atentar ao ato da mastigação. Por meio desse procedimento, a sensação de saciedade pode ser sentida antes que você coma demais e se sinta mal.

Personalidades mundiais ensinam seus rituais matinais

Se a sua manhã consiste em acordar atrasado, levantar com pressa e sair de casa o mais rápido possível, é hora de mudar. Ter um ritual matinal saudável é importante para conduzir um bom dia, além de ajudar a recuperar as energias, trabalhar o foco e eliminar o estresse causado por uma manhã caótica.

Algumas das pessoas mais influentes do mundo cultivam hábitos saudáveis para iniciar um dia produtivo de forma positiva. O ex-presidente Barack Obama, por exemplo, pratica atividades físicas todas as manhãs, enquanto Arianna Huffington medita e a celebridade mais rica dos EUA, Oprah Winfrey, não abre mão de um café da manhã nutritivo.

Steve Jobs: Aumentar a motivação

Steve Jobs, cofundador da Apple, tinha uma rotina matinal simples e profunda. Todos as manhãs ele se olhava no espelho e perguntava: “Se hoje fosse o último dia da minha vida, eu gostaria de fazer o que tenho planejado para hoje?”. Ele explicou que, se a resposta fosse “não” por dias seguidos, significava que ele precisava mudar alguma coisa. Dessa mesma forma, Benjamin Franklin iniciava seu dia com a pergunta: “O que devo fazer de bom hoje?”. O cultivo desse simples hábito pode ajudar qualquer pessoa a manter a motivação e a seguir seus objetivos ao iniciar o dia de forma positiva e com um propósito.

A odontologia estética permite transformar o sorriso, realizando sua harmonização com as características faciais, rejuvenescendo e ampliando sua beleza e expressão.  Agende sua consulta

Barack Obama: Prática de exercícios físicos

O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama começa todas as suas manhãs com exercícios físicos – musculação e aeróbico. De forma similar, o ritual matinal de Jack Dorsey, CEO do Twitter, envolve um treino de sete minutos, com três repetições. Tornar a atividade física parte regular da sua rotina é uma excelente forma de se energizar, melhorar a circulação sanguínea e queimar gordura. O hábito também acelera o metabolismo e melhora suas habilidades cognitivas.

Oprah Winfrey: Alimentar-se de forma saudável

Oprah Winfrey sempre conclui sua rotina matinal com um café da manhã nutritivo. “Não sou especialista em motores, mas sei de uma coisa: eles não funcionam sem combustível”, diz ela. “Nossos corpos são iguais, por isso me importo tanto com o café da manhã”, conta a apresentadora e estrela do novo filme “Uma Dobra no Tempo”. A refeição de Oprah consiste no equilíbrio de proteínas, gorduras e carboidratos complexos.

Cara Delevingne: Escrever

A atriz e modelo britânica Cara Delevingne inicia seu dia com uma rotina batizada de Morning Pages. A técnica está relacionada ao ato de escrever, pelo menos, três páginas, de forma consciente, assim que acorda. Essa é uma forma efetiva de controlar a desordem mental, aumentar o foco e desbloquear a criatividade

 

 

Gosta de correr? Maratonas em 2018 ao redor do mundo que valem a viagem

 

Você pode não saber quem é Jessie Diggins, mas até o final das Olímpiadas de Inverno você certamente conhecerá a esquiadora cross-country. Sensação dos Estados Unidos, a atleta participa de um dos esportes mais brutais dos jogos. Os esquiadores da modalidade executam uma verdadeira maratona – só que eles fazem isso em cima de neve e gelo, usando uma roupa apertada . É, com certeza, uma guerra de atrito, que torna impossível contar as calorias gastas.

A lista a seguir não coloca você no meio de um congelado país das maravilhas como no caso da atleta norte-americana, mas o esforço físico será semelhante. De um famoso circuito em Boston a um belo cenário em Roma, essas maratonas deixarão você em forma o ano inteiro. E mais: como todas elas acontecem em lugares fenomenais, servem de desculpa para merecidas férias. E ainda com a chance de trazer uma medalha para casa.

Maratona Kaiser Permanente Napa Valley

Quando: 4 de março

Quando a arma disparar para anunciar a largada da 40ª edição deste prestigiado evento em Napa, espere, literalmente, ver estrelas. A ex-atleta Joan Benoit Samuelson, duas vezes vencedora da Maratona de Boston e medalhista de ouro da primeira maratona olímpica feminina em 1984, será a corredora desta temporada ao lado de outras 3 mil pessoas que atravessarão o Wine Country.

Maratona de Roma

Quando: 8 de abril

A demanda por inscrições foi tão grande que os organizadores tiveram que estender o prazo. Certifique-se de prestar atenção à perfeição da rota, que inclui o Coliseu, o rio Tibre e outras atrações mundialmente famosas, enquanto faz uma pausa para respirar. Então você entenderá por que mais de 13 mil pessoas participam do evento todos os anos.

Maratona Schneider Electric de Paris

Quando: 8 de abril

Explore a cidade luz como nunca durante uma das maiores maratonas do mundo. Atraindo quase 60 mil corredores do mundo todo, esta popular corrida por Paris começa no Arco do Triunfo e passa pela Praça da Bastilha, pela Catedral de Notre Dame e pela Torre Eiffel, permitindo que os corredores exterminem as calorias ganhas com os croissants enquanto admiram os principais pontos turísticos.

 Maratona de Boston

Quando: 16 de abril

Participe da maratona mais antiga do mundo – que em 2018 chega à sua 122ª edição – ao lado de corredores experientes. Os melhores vão para Boston durante o feriado Patriot Day, na terceira segunda-feira de abril, para competir diante de uma torcida de meio milhão de fãs.

Maratona Virgin Money de Londres

Quando: 22 de abril

É muito provável que você nunca tenha visto Londres assim. A popular maratona, limitada a cerca de 40 mil participantes, proporciona um passeio histórico pela capital britânica, começando em Greenwich, bairro a sudeste da cidade, passando por Tower Bridge e pela Torre de Londres e terminando no Palácio de Buckingham. Preste atenção nos criativos trajes – alguns deles já incluíram um sapato gigante, um ônibus de dois andares e um caracol – e às celebridades que correm em prol de causas filantrópicas, como Chris Evans, Princesa Beatrice e Gordon Ramsay.

Maratona da Muralha da China

Quando: 19 de maio

Você não se importará de correr 5.164 passos assim que se deparar com a visão do topo. Esta espetacular maratona leva os atletas ao famoso Patrimônio Mundial da UNESCO em Pequim, enquanto milhares de espectadores acompanham e torcem. Espere ver colinas ondulantes, aldeias antigas e o Pico das Cabras, famoso por ser íngreme, enquanto trilha os gastos caminhos de tijolos.

QUAL A RELAÇÃO ENTRE AS DOENÇAS CARDIOVASCULARES E A SAÚDE BUCAL?

 

Especialistas em periodontia e cardiologia revisaram mais de 120 estudos médicos publicados e outros dados sobre o potencial associação entre  as doenças cardiovasculares e a saúde dental. Os resultados relataram o seguinte: a doença periodontal é um fator de risco para doença arterial coronariana, doenças dos vasos sanguíneos e artérias, além de oferecerem um risco maior para acidentes vasculares cerebrais e doenças obstrutivas dos membros inferiores.

Uma das hipóteses elaboradas pelos pesquisadores é que, talvez, os resquícios da parede celular das bactérias ao caírem na corrente sanguínea acabam provocando inflamações nos vasos sanguíneos, o que os deixa mais pré-dispostos a doenças obstrutivas, também causadas por processos inflamatórios.

 

PREPARAMOS UM EXPLICATIVO SOBRE CUIDADOS A CARDIOPATAS . LEIA MAIS 

Em relação aos problemas do coração propriamente ditos, a principal condição é a endocardite bacteriana.

Ela acomete principalmente as válvulas do coração, onde as bactérias se instalam e formam uma “vegetação” local, que acumula também glóbulos brancos, restos celulares e fibrinas.

Se não tratada a tempo, a endocardite irá destruir a válvula, que é essencial para o bombeamento do sangue. Ocorrerá, então, um quadro de insuficiência cardíaca aguda e grave. Atualmente, a mortalidade dessa doença está na faixa dos 30%.

QUAIS SÃO AS PRECAUÇÕES PARA UMA BOCA SAUDÁVEL?

  • Escove os dentes e passe fio dental regularmente: para remover as bactérias formadoras de placas, escove durante pelo menos dois minutos, duas vezes por dia, e não pule a hora do fio dental;
  • Escolha uma dieta saudável e rica em nutrientes essenciais (especialmente vitaminas A e C);
  • Reduza ou elimine o açúcar e os amidos;
  • Evite cigarros e tabaco: mesmo o tabaco sem fumo pode destruir suas gengivas e aumentar suas chances de doenças cardíacas;
  • Visite o dentista para limpezas regulares e exames: ele poderá identificar sinais de doenças sistêmicas e gengivais desde o início. Sempre diga a ele seu histórico médico, as condições atuais de saúde e qualquer medicação que você está tomando.

Portanto, a saúde bucal não é mera questão estética. Ela tem uma relação direta com a saúde de todo o seu corpo, principalmente, o coração. Ela está ligada ainda a outras doenças, como a glomerulonefrite nos rins. Então, se sua gengiva está dolorida ou sangrando com facilidade, é hora de procurar o seu dentista e começar uma rotina de higiene bucal adequada!

Chupeta: quais os perigos para a dentição de bebês e crianças.

 

Não há dúvidas de que a chupeta é um santo remédio para acalmar os pequenos. Além de satisfazer à necessidade natural de sucção dos recém-nascidos, ajuda nos desconfortos com as cólicas e até a dormirem melhor. Porém, em longo prazo, ela pode interferir na dentição de bebês.

Então, o que fazer? Os especialistas em odontopediatria da Vasconcelos Odontologia prepararam esse artigo que mostra os danos que a chupeta pode causar, quais os cuidados necessários para que os dentinhos do bebê não sejam prejudicados, a idade ideal para sua retirada e quando é necessário procurar o dentista.

bebês sorriem para ver maes sorrirem

QUAIS OS PERIGOS DA CHUPETA PARA A DENTIÇÃO DE BEBÊS?

A chupeta traz um conforto emocional para os pequenos, por isso não há problema em oferecer o objeto. Os danos podem acontecer se o seu uso for prolongado e constante, principalmente quando começam a aparecer os primeiros dentes, por volta dos 6 meses.

A chupeta pode acarretar alguns prejuízos, como projeção dos dentinhos para a frente, mordida aberta (quando os dentes superiores e inferiores não se encostam), desequilíbrio entre as arcadas dentárias, além de alterações na posição dos dentes e até do céu da boca.

Além do mais, tudo isso pode comprometer a fala, a respiração e até a alimentação, sem contar a estética.

QUAIS OS CUIDADOS QUE OS PAIS DEVEM TOMAR PARA EVITAR PROBLEMAS?

Após nascerem os dentinhos, o ideal é que os pais tentem diminuir o uso da chupeta, principalmente durante o dia, pois, além de prejudicar a dentição dos bebês, ela pode ficar suja, trazendo um perigo para a saúde dos pequenos.

Por isso, também é muito importante supervisionar ao máximo o seu uso. Assim, ao cair no chão, você já consegue esterilizá-la imediatamente.

 

QUAL A IDADE IDEAL PARA RETIRAR A CHUPETA DA CRIANÇA?

O quanto antes o objeto for retirado da vida da criança, melhor! Contudo, sabemos que não é tão fácil assim. Então, tente limitar o uso até os 2 aninhos, para que não haja danos na dentição ou, se houver, as chances de correção sejam maiores.

A negociação não será fácil, mas, nessa idade, a criança já tem outros interesses, não sente tanta necessidade de sucção e consegue compreender mais as coisas. Logo, você pode trocá-la por um presente, falar para a criança deixá-la para o Papai Noel ou inventar outras situações lúdicas.

É essencial também que os pais sejam firmes! Depois de retirarem a chupeta, não podem oferecer novamente.

 

CHUPETA ORTODÔNTICA

Dê preferência a chupetas de silicone e ortodônticas, que têm o formato mais achatado e anatômico e, por essa razão, causam menos prejuízos na dentição de bebês. Inclusive, é importante que a chupeta seja trocada de acordo com a faixa etária da criança.

Ademais, não coloque cordões ou outros acessórios pendurados na chupeta, pois acarretam um peso maior no objeto, comprometendo ainda mais a dentição, sem contar o risco de ficarem enrolados no pescoço.

QUANDO É PRECISO LEVAR A CRIANÇA QUE USA CHUPETA AO DENTISTA?

Quando surgem os primeiros dentinhos, os pais já podem levar a criança ao odontopediatra, que dará as orientações de higiene bucal e fará um acompanhamento dos dentes. Assim, caso haja necessidade, o profissional a indicará ao ortodontista. Porém, se já apresenta algum problema na posição dos dentes ou da arcada, leve-a logo ao especialista e verifique a necessidade do tratamento.

LEIA MAIS : SAÚDE BUCAL INFANTIL: CONHEÇA ALGUNS OS CUIDADOS NESSA FASE

É importante se preocupar com o desenvolvimento da dentição de bebês e retirar a chupeta no tempo certo para evitar danos maiores. Portanto, leve a criança periodicamente ao dentista e, se necessário, ao ortodontista para verificar se está tudo bem com a saúde bucal, o desenvolvimento ósseo e o posicionamento dos dentes.

Dicas para se recuperar depois de uma longa viagem

Se você já voou longas distância e passou por diferentes fusos horários, conhece o impacto que esse tipo de jornada causa ao organismo. O jet lag, termo em inglês que define essa sensação, costuma deixar as pessoas letárgicas nos dois dias subsequentes ao deslocamento. O tempo desperdiçado não pode ser recuperado e, no caso de uma viagem de negócios, pode comprometer seriamente o desempenho do profissional.

Superar o jet lag pode ser difícil, mas não é impossível. A manutenção de uma rotina que priorize o descanso em vez do estresse e contemple uma alimentação saudável já ajuda muito.

Mantenha-se ativo e procure a luz do sol

Durante a viagem, mantenha-se ativo entre os voos caminhando pelo terminal para o próximo portão, procurando algo para comer ou fazendo compras. Além disso, sente próximo a uma janela para absorver um pouco de luz solar. Ficar parado durante a escala pode te prejudicar tanto quanto não ter uma boa noite de descanso antes de voar.

No avião, procure caminhar periodicamente pelo corredor. Você também pode se alongar um pouco no próprio assento com exercícios adaptados para a ocasião.

Beba água e consuma alimentos nutritivos

A manutenção dos hábitos saudáveis durante um voo pode ser muito difícil, mas determinados alimentos e bebidas podem ajudar a superar o jet lag:

– Beba água em vez de ingerir produtos com cafeína, álcool ou açúcar;
– Consuma alimentos nutritivos, como frutas, vegetais e proteínas em vez de doces e carboidratos;
– Mantenha-se hidratado no dia anterior ao voo;
– Se você decidir ingerir cafeína ou álcool, faça isso de manhã ou no início da tarde. Essas bebidas, se ingeridas no final da tarde ou a noite, podem causar insônia e afetar qualquer ganho positivo que você tenha conquistado depois de decolar.

 

 A VO Experience é uma modalidade onde você terá uma experiência em odontologia intensiva, podendo realizar o seu tratamento no menor tempo possível, a partir de um plano de tratamento otimizado e com uma equipe de profissionais trabalhando conjuntamente no seu caso de forma totalmente personalizada. É uma modalidade ideal para aqueles que fazem viagens constantes, são de outras cidades, Estados ou países – o que também é conhecido como turismo odontológico – ou, ainda, para aqueles pacientes que possuem quadros de grave ansiedade em relação aos tratamentos odontológicos. AGENDE SUA CONSULTA

Tire um cochilo no avião

Para a maioria das pessoas, a qualidade do sono em um avião é muito inferior quando comparada a uma cama comum. Isso pode ser diferente caso você voe na primeira classe ou na classe executiva, com assentos que reclinam completamente, ou tenha acesso a uma suíte privada.

Independente de qual seja o seu lugar, não tenha medo de cochilar, pois viajar pode ser difícil para o seu corpo, mesmo que você tenha dormido bem no dia anterior. A melhor oportunidade de tirar um cochilo pode ser durante a exibição de um filme ou quando o comissário de bordo já entregou a bebida e o lanche.

Qualquer sono é melhor do que nada, além de ser uma forma eficiente de passar o tempo e relaxar. Se você sofre com ansiedade ao voar, viajar com um cobertor pesado pode ser o ingrediente que falta para finalmente descansar durante a jornada.

Mantenha o nível de energia

O que você faz antes e durante o voo é muito importante para limitar os efeitos da viagem, mas o que você faz depois dela é igualmente essencial à medida que você adota o cronograma local.

Você deve continuar a seguir as dicas acima para manter os seus níveis de energia os mais altos possíveis nos primeiros dias. A letargia é uma sensação comum no primeiro dia, uma vez que você viajou por várias horas, atravessou fusos horários e sentou em um avião ou aeroporto em vez de estar ao ar livre.

Dormir pode até ser o seu primeiro desejo depois de deixar o avião, mas, a não ser que você chegue a noite e possa seguir direto para o hotel, continue acordado. Você pode visitar pontos turísticos da cidade, tomar um banho para se refrescar ou dar uma volta no parque ou praia. Não se esqueça de beber água e de ter uma refeição saudável com carboidratos complexos para manter a energia. Ir para a cama logo que chegar pode te levar a acordar de madrugada e estar exausto antes do café da manhã.

São Paulo é considerada a melhor cidade do País para tratamentos odontológicos

São Paulo já é tida como a melhor cidade do País para tratamentos odontológicos, Com tecnologia avançada, os pacientes que tem procurado São Paulo como destino de turismo odontológico pois encontram clínicas odontológicas de ponta. A capital paulista atrai muitas pessoas que desejam realizar uma consulta, um procedimento odontológico ou apenas fazer um check up. No entanto, o que também vem crescendo muito é quantidade de estrangeiros que procuram a cidade para fins médicos, aliando o bem-estar à sua viagem. Essa nova demanda fez com que muitos estabelecimentos e agências paulistanas enxergassem um novo segmento, o do turismo de saúde.

São Paulo possui ótimos hoteis para atender o turismo odontológico

Turistas de outros países que desejam realizar tratamentos odontológicos no Brasil são atraídos para lugares como o São Paulo por motivos diferentes: Em alguns países, como os Estados Unidos, os tratamentos e os planos de saúde possuem custos muito elevados. Em outros, como Canadá e Inglaterra, a medicina é socializada e há longas filas para alguns tratamentos mais complexos. Há também um grupo de países que não possui medicina avançada e acaba exportando pacientes com poder aquisitivo mais alto.

Além da alta tecnologia, dos valores mais acessíveis e cobrados “em reais”, outros fatores seduzem pessoas do mundo inteiro para terras brasileiras. O prestígio dos profissionais e o atendimento mais cordial fazem toda a diferença na hora de escolher onde cuidar da saúde bucal. Outros ainda aproveitam viagens de lazer, negócios, visitas a familiares e amigos para agendar consultas e intervenções médicas. Além disso, cidades como São Paulo, que unem entretenimento, toda a infra-estrutura de serviços, boas opções de compras e gastronomia, são muito atraentes para esses visitantes.

Ótimos restaurantes, bares e museus oferecem aos paciente um estada perfeita para realizar seus tratamentos

E o turismo odontológico em São Paulo tem muito potencial. Nos Estados Unidos, por exemplo, há 50 milhões de pessoas que não possuem planos de saúde. Por isso somente em 2016, mais de 700 mil norte-americanos foram a outros países para realizar consultas e tratamentos médicos.

São Paulo recebe mais de 12 milhões de turistas. Entre os visitantes nacionais, 9,1% vem para a cidade fazer o chamado turismo de saúde. Entre os estrangeiros que visitam a capital, 3% tem como motivação tratamentos médicos.

A VO Experience é uma modalidade  para você ter uma experiência em odontologia intensiva, podendo realizar o seu tratamento no menor tempo possível, a partir de um plano de tratamento otimizado e com uma equipe de profissionais trabalhando conjuntamente no seu caso de forma totalmente personalizada. É uma modalidade ideal para aqueles que fazem viagens constantes, são de outras cidades, Estados ou países – o que também é conhecido como turismo odontológico – ou, ainda, para aqueles pacientes que possuem quadros de grave ansiedade em relação aos tratamentos odontológicos.SAIBA MAIS AQUI

O MUNDO REVERENCIA A QUALIDADE DOS TRATAMENTOS ODONTOLÓGICOS

Por razões profissionais ou a lazer, estrangeiros das mais diversas nacionalidades escolhem nosso país para realizar tratamentos dentários. Para termos uma ideia, na Europa, os valores dos procedimentos odontológicos são bem mais altos e muitas vezes não contemplam o acabamento estético, motivo que faz com que muitos europeus procurem o serviço de Turismo Odontológico aqui no Brasil. Isto também acontece com pacientes vindos de países como Angola, Moçambique e até mesmo China e Hong Kong. Sabemos também que os brasileiros de outros estados não abrem mão de realizar seus tratamentos odontológicos na cidade de São Paulo.

Os implantes dentários, protocolos de carga imediata, reabilitações estéticas em resina ou porcelanas (as famosas Facetas ou “Lentes de Contato” Odontológicas) são os itens mais procurados pelas pessoas que decidem realizar o Turismo Odontológico no Brasil, porém outras intervenções mais simples também são buscadas, desde clareamento dental, substituição de restaurações antigas, aplicação de toxina botulínica e preenchimentos faciais.

Fazer uma viagem pode ser uma das escolhas mais agradáveis para relaxar e curtir, porém, antes da diversão, é preciso escolher com atenção a clínica que efetuará o procedimento dentário, tendo certeza de sua seriedade e profissionalismo. Dessa forma, um centro odontológico que preze por valores como transparência, ética, eficiência e comprometimento é fundamental. É importante procurar por uma equipe que tenha atendimento multidisciplinar, com especialistas em implantes, endodontia, dentística/estética, próteses, periodontia e dor orofacial (DTM), dentre outras áreas da odontologia. Em seguida, é importante analisar se a unidade odontológica possui reputação e tecnologia no serviço buscado.

Durante a folia do Carnaval, cuidado com doenças que podem ser transmitidas pelo beijo

Carnaval chegando e todo mundo já conta os minutos para a festa mais animada do ano por conta dos bloquinhos e desfiles cheios de folia . Mas também é tempo de se preocupar com a saúde para evitar o contágio de algumas doenças, como a mononucleose. É uma doença infecciosa viral que pode ser transmitida pelo Epstein-Barr (EBV), toxoplasmose, e pelo quadro clínico pode ser confundida com amigdalite.

A DOENÇA DO BEIJO

Todo mundo tem um amigo mais beijoqueiro no grupo, não é? Mostre que você se preocupa com ele e dê o aviso: a mononucleose é conhecida como a doença do beijo, sua principal forma de transmissão. Mas também pode surgir de outro jeito. O EBV é um membro da família do vírus do herpes e pode ser transmitido pela saliva. No entanto, os espirros e a tosse também podem transmitir o vírus. Melhor ter cuidado para não embarcar nessa furada!

OS SINTOMAS PODEM DEMORAR DIAS PARA APARECER

O que começa com um beijo no meio da multidão, pode virar uma doença bem silenciosa. Muitas vezes, o vírus fica incubado no corpo e se desenvolve meses após o contágio. O tempo de sinais clínicos é variável de 07 a 14 dias com sintomas como dor de garganta, gânglios palpáveis regionais- ínguas no pescoço e em alguns casos, febre. Depois estes sintomas acabam desaparecendo, mas a pessoa pode eventualmente transmitir a doença se houver a reativação do vírus, e isso não é controlado.

Resultado de imagem para casal se beijando no carnaval

FAÇA DO BEIJO ALGO SAUDÁVEL

Apesar de surgir muito durante o carnaval, a mononucleose é uma doença fora de época que pode aparecer o ano inteiro. É preciso evitar os excessos de contato direto ou íntimo com muitas pessoas e cuidar do corpo, principalmente durante os dias de folia. Não exagerar na troca de parceiros. Tentar manter a imunidade em equilíbrio com a manutenção das horas de sono, reidratação após ingestão de bebidas alcoólicas em excesso, alimentação adequada e, principalmente, manutenção de higiene bucal durante todos os dias de festa..

A ESCOVA QUE AJUDA A CAPRICHAR NA HIGIENE

Para garantir que a saúde da sua boca esteja sempre em dia e longe daquelas bacterias ruins, é preciso recorrer a uma ajudinha. Invista na escova de dentes Antibacteriana. A ferramenta possui cerdas CrissCross que combatem a proliferação de bactérias nas cerdas, evitando o contágio com o seu universo bucal. Elas também alcançam aqueles espacinhos entre os dentes proporcionando uma limpeza ainda mais eficaz. Desta forma, fica mais fácil curtir o carnaval sem preocupações e com um sorriso no rosto.

Dicas para ensinar seu filho a escovar os dentes

Uma das dicas mais importantes e uma das formas mais eficaz de ensinar seu filho a escovar os dentes é através de brincadeiras, por isso é válido criar algumas delas para que o momento de escovar os dentes seja divertido e não algo chato! Vamos lá.

AQUI VÃO ALGUMAS DICAS PARA ENSINAR SEU FILHO A ESCOVAR OS DENTES

De 1 a 3 anos de idade, contar até dez em voz alta para determinar o tempo de escovação de cada parte da boca, distrair a criança com vídeos que ela goste e até mesmo cantar música pode ser vantajoso! Já que, com essa idade eles não costumam ajudar muito nesse momento, o que faz muitos pais desistirem ou “deixarem para depois” pela dificuldade enfrentada todos os dias.

Como as crianças aprendem muito através da modelagem e muitas vezes agem como uma “imitação” do comportamento dos pais, é importante que estes também realizem uma boa e completa higiene bucal.

Compreendendo que são modelos também nesse sentido, os pais precisam explicar e mostrar que todo mundo escova os dentes após as refeições e antes de dormir, para ajudar os pequenos a entenderem que a higiene oral faz parte da rotina.

É importante lembrar que, para não traumatizar a criança durante esse procedimento é bom fazer a higiene oral com muita confiança e sem estresse, por isso a dica é fixar os horários de escovação, como por exemplo, sempre depois que troca a fralda de manhã ou depois que toma banho à noite, para que a criança entenda essa prática como parte da rotina diária.

VASCONCELOS ODONTOLOGIA TEM ESPECIALISTAS EM ODONTOPEDIATRIA. AGENDE UMA CONSULTA

Qual a idade indicada para a criança a escovar os dentes sozinha?

Após os 3 anos é indicado começar a estimular a criança a escovar os dentes sozinha, por isso o mais indicado é que os pais façam a higiene oral correta do filho e depois os deixem brincar de escovar para eles se responsabilizarem sobre o assunto desde cedo.

Com alguns cuidados e bastante insistência é mais fácil tornar toda essa rotina e as novas informações um grande acontecimento do dia, o que inclusive deve ser o objetivo.

LEIA TAMBÉM

A importância da ortodontia preventiva na infância

Tendo em vista que, pelo fato da criança estar conhecendo um mundo novo, novas sensações, criar procedimentos e padrões é ideal para que ela entenda não somente cada parte da rotina, mas o sentido e motivo para que seja feita.

 

Como um sorriso saudável influencia na hora da entrevista de emprego

Quando o assunto é mercado de trabalho, a beleza do seu sorriso pode ter um peso muito maior do que se imaginava. A princípio, a ideia pode soar até mesmo um pouco estranha, mas a relação entre estética e sucesso profissional é muito mais ampla do que pode parecer. Para exemplificar: pessoas com uma aparência melhor tendem a passar maior confiança em suas ações no dia a dia, o que agrada a todos os gestores.

Boca e dentes, especialmente, têm forte apelo atrativo, sendo uma das principais regiões observadas no primeiro contato. Em estudo realizado no King’s College London, no Reino Unido, o pesquisador Tim Newton conseguiu chegar à conclusão de que o bom estado dentário é capaz de transmitir a sensação de confiança, de bom relacionamento interpessoal e até, pasmem, de mais inteligência!

A lógica em questão segue o princípio de que nosso cérebro julga as informações que recebe inconscientemente e as imagens bonitas costumam ser agradáveis por serem mais harmoniosas e transmitirem maior sensação de confiança. Por isso, cuidar dos dentes vai além das necessidades no quesito saúde. Estar com a dentição em ordem vai te ajudar a impactar positivamente seu ambiente de trabalho.

Confira a seguir por que seu sorriso é importante para o seu sucesso profissional. Confira!

Na busca por uma carreira melhor

Se você está em busca de recolocação no mercado ou deseja mudar de emprego, considere consultar seu dentista antes de fechar a participação em uma entrevista. Obviamente, os recrutadoresestarão muito mais preocupados com os seus atributos técnicos como experiência profissional e habilidades interpessoais, como bom relacionamento, proatividade e liderança.

No entanto, não tem como desassociar seu currículo de sua imagem pessoal. Além da forma como você se veste, sua dicção e estado dental serão percebidos ainda nos cumprimentos. Não se esqueça disso!

ODONTOLOGIA ESTÉTICA É UMA GRANDE ALIADA PARA UM SORRISO SAUDÁVEL.

Na rotina de trabalho

Agora se você conseguiu passar pela etapa de seleção ou já conta com um emprego há algum tempo, saiba que os cuidados com a sua saúde bucal não devem ser deixados de lado. Se por um lado você não está sendo avaliado por um recrutador, por outro, precisa representar sua empresa em ambientes variados, todos os dias.

No contato frequente com seus colegas, em eventos da empresa e nas reuniões com a chefia, novamente, a sua aparência será avaliada, mesmo que inconscientemente pela maior parte das pessoas. Portanto, esteja sempre bem cuidado.

Cuidados pessoais contam muito!

É importante deixarmos claro que nosso objetivo com esse artigo é orientá-lo acerca da importância da estética dental no ambiente corporativo. Muitas pessoas trabalham duro para conseguir a tão sonhada ascensão profissional, investem em cursos e treinamentos diversos, mas acabam se esquecendo que a imagem física diz muito mais sobre nós mesmos do que podemos imaginar.

Dentes ordenados, limpos e bem cuidados reforçam a sua preocupação com princípios básicos como higiene e amor próprio, características imprescindíveis a todos os profissionais de sucesso. Pense nisso e agende logo uma consulta de rotina com seu dentista de confiança.