Como evitar a dor e desconforto em sua consulta ao dentista?

Aquele inesquecível barulho do motorzinho do dentista te dá arrepios? Você sente medo em sentir dor?

Totalmente compreensível esses temores. Principalmente porque, há pouco tempo, as clínicas odontológicas e especialistas não tinham os aparatos e inovações que dispomos hoje. Devido à falta de recursos, muitos pacientes sofreram ao cuidar de seus dentes, gerando traumas e experiências desagradáveis.

Como evitar a dor e desconforto em sua consulta ao dentista?

Como evitar a dor e desconforto em sua consulta ao dentista?

Porém, não cuidar dos nossos dentes não é uma opção!

Tártaros, mau hálito, gengivites, cáries, placas bacterianas podem virar verdadeiros transtornos na nossa vida. Podendo, inclusive, transformar-se em problemas severos.

Para nosso alívio, as clínicas e especialistas vêm se modernizando dia após dia! Você sabia que, atualmente, já é possível fazer um tratamento complexo sem sentir a picadinha da anestesia e sem ouvir o barulho do motorzinho? Diga adeus aos medos, tensões e apreensões com dores e tratamentos intermináveis.

Atualmente, existem tratamentos com sedação. Esse serviço preza por extrema qualidade e tratamentos rápidos

Quando falamos em tratamentos de alta complexidade, esse tipo de serviço é uma excelente escolha, pois reduz muitíssimo o tempo despendido em tratamentos e prioriza um atendimento exclusivo e acolhedor, com tecnologia super moderna, ambiente confortável e relaxante.

Sedação consciente e cirurgia ambulatorial
Para evitar desconforto, medo ou ansiedade, dispomos de sedação, monitorada e acompanhada por um médico anestesista. A cirurgia ambulatorial em implantodontia tornou-se uma prática comum em função do desenvolvimento de equipamentos sofisticados e adequadas técnicas cirúrgicas, além do surgimento de medicamentos de rápida eliminação e com efeitos colaterais mínimos.

A Vasconcelo Odontologia foi  classificada como “unidade ambulatorial tipo II”, caracterizada como “estabelecimento de saúde, independente do hospital, destinado à realização de procedimentos cirúrgicos de pequeno e médio porte, em nível ambulatorial, em salas cirúrgicas adequadas a essa finalidade, sob anestesia locorregional, com ou sem sedação”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *