Bruxismo na infância pode comprometer o posicionamento correto dos dentes

Uma disfunção comum e que afeta cerca de 80% das pessoas até a fase adulta é o bruxismo, hábito noturno e involuntário do corpo caracterizado pelo ranger ou apertar de dentes durante o sono. O que muitas pessoas não sabem é que o bruxismo é um problema muito comum também durante a infância e precisa ser acompanhado pelos pais e pelo odontopediatra para evitar ou minimizar danos à saúde bucal.

Bruxismo na infância pode comprometer o posicionamento correto dos dentes

O bruxismo na infância pode ter muitas causas, porém, está muito associado a fatores emocionais como o estresse e a ansiedade. No caso das crianças que apresentam essa disfunção, é importante observar as situações que fazem parte do seu dia a dia e que podem favorecer o estresse, como um ambiente familiar conturbado ou problemas com o bullying escolar.

Na infância, o bruxismo pode comprometer o posicionamento correto dos dentes, a harmonia dos arcos dentários e causar atraso no tempo de erupção dos dentes de leite. Além disso, outros problemas característicos são as fraturas dos dentes, problemas na gengiva e na ATM (articulação da mandíbula), dores de cabeça e desconforto na mastigação.

Bruxismo na infância pode comprometer o posicionamento correto dos dentes

Além das visitas periódicas ao odontopediatra, a recomendação é que os pais estejam sempre atentos aos comportamentos das crianças, à forma como reagem perante situações adversas e verifiquem a qualidade do sono dos filhos. São informações valiosas para encontrar a causa do problema e atuar de forma efetiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *