Conheça alguns dos clubes de golfe mais exclusivos do mundo

Neste ano, a lista dos 100 melhores clubes de golfe conta com representantes de 30 países, dos mais variados continentes. Pela primeira vez na história do ranking, o Augusta National foi escolhido o melhor do mundo, nas categorias golfe e country clubs. Anfitrião do U.S. Open de 2018, o Shinnecock Hills passou do 7º para o 3º lugar na classificação. E o Merion Golf Club, que foi sede da competição no ano anterior, subiu da 9ª para a 5ª colocação. Já o Baltusrol ficou entre os dez melhores pela primeira vez.

Entre os vinte primeiros colocados, há outros clubes internacionais, como o R&A (Escócia), Royal Melbourne (Austrália), Muirfield (Escócia), Morfontaine (França), Sunningdale (Inglaterra) e Shanqin Bay (China), o primeiro asiático a alcançar o top 20 na história da “Platinum Clubs of the World”.

 

1.Augusta National Golf Club (Geórgia, EUA)

Conhecido por ser um clube exclusivamente masculino, o Augusta abriu suas portas para mulheres com a chegada de Condoleezza Rice e Darla Moore. Com apenas 300 membros, entre eles Warren Buffet, diretor executivo da Berkshire Hathaway, e o magnata Bill Gates, o clube é lar do torneio Masters de Golfe. As taxas de admissão ao complexo, projetado pelo campeão no esporte Bobby Jones e pelo arquiteto Alister MacKenzie, variam entre US$ 250 mil e US$ 500 mil.

 

2. Pine Valley Golf Club (Nova Jersey, EUA)

O Pine Valley Golf Club é conhecido por ter aquele que pode ser o melhor campo de golfe do mundo. Você não pode pedir para entrar no clube: precisa ser convidado. A seleção dos convidados é feita pelo conselho de diretores da associação. Membros do clube, fechado para homens, podem levar as mulheres como convidadas aos domingos.

 

3. Shinnecock Hills Golf Club (Nova York, EUA)

Shinnecock já recebeu o U.S. Open inúmeras vezes. A única forma de jogar no campo da cidade de Southampton é acompanhado por um membro do clube, e as reservas precisam ser feitas com meses de antecedência. As taxas giram em torno de US$ 350 por round, e é preciso contratar um carregador de tacos, já que se caminha de um campo a outro.

 

4. The Royal and Ancient Golf Club of St Andrews (Escócia)

Fundado em 1754, o Royal and Ancient Golf Club é o clube mais antigo e prestigiado do mundo. Localizado na cidade de St Andrews, é conhecido como “Lar do Golfe”. O clube tinha uma política de admissão restrita a homens até 2015, quando recebeu a Princesa Ana como primeira sócia honorária. O único jeito de entrar para o clube é por convite. Mas não é tão pequeno o número de sócios: são 2,4 mil, de diversas partes do mundo.

5.Golf de Morfontaine (França)

Projetado no século 19 para o duque de Guiche e seus amigos, o campo ainda hoje mantém muito do design original. Anos depois da morte do nobre, em 1962, o clube se tornou propriedade de seus 450 membros e segue o mais exclusivo da Europa continental.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *